Se você tem filhos e trabalha fora, provavelmente já teve a impressão de que as crianças estão crescendo rápido demais e que a correria do dia a dia te impede de aproveitar o tempo em família e acompanhar o desenvolvimento delas como você gostaria.

De fato, essa percepção não está longe da verdade. Uma pesquisa conduzida por uma universidade britânica realizada em 25 países constatou que as pessoas passam, em média, apenas 36 minutos por dia, ou 15 dias por ano, do chamado “tempo de qualidade” com a família.

A boa notícia é que dá para aumentar esse tempo de convivência com medidas simples, mas que ajudam a reduzir essa sensação de culpa por não poder estar presente em todos os momentos. Quer saber quais são elas? Acompanhe nosso post!

1. Desligue o celular, a dica de ouro para quem quer aproveitar melhor o tempo em família

Não importa se o tempo que você tem disponível para passar com as crianças é de uma tarde inteira ou apenas alguns minutos: desligue o celular ou, ao menos, deixe-o longe de vocês.

A ideia é aproveitar esse momento para conversar e interagir com o seu filho, descobrir o que ele pensa e como reage às situações cotidianas, e não simplesmente sentar-se ao lado dele enquanto volta a sua atenção para um e-mail do trabalho ou para um joguinho no celular. Esteja presente!

2. Faça ao menos uma refeição diária em família

Com o dia a dia corrido, é comum que as pessoas não tenham a possibilidade de se reunir para as refeições. Quando estão em casa, muitas vezes elas mantêm o hábito de comer sozinhas, seja na sala, em frente à televisão, ou no quarto.

Na verdade, esse é um excelente momento para aumentar a convivência. Por isso, procure fazer ao menos uma refeição diária em família. Voltar para casa na hora do almoço está fora de cogitação e você não quer que as crianças fiquem esperando por você e jantem muito tarde? Então programe-se para acordar mais cedo e, ao menos, tomar o café da manhã com elas. Procure fazer com que esse seja um momento de interação.

Que tal prepararem juntos a refeição ou colocarem a mesa? Aproveite para conversar sobre suas atividades e expectativas para o dia que se inicia e saber mais sobre elas.

3. Crie um ritual para a hora de dormir

A hora de dormir é um momento importante para quem quer criar e estreitar vínculos com os filhos, especialmente se, por conta da rotina atribulada, você não pode estar tão presente no dia a dia deles.

Estabeleça um horário fixo para as crianças irem para a cama e reserve ao menos meia hora para estar com elas. Pode ser contando uma história ou cantando para os menores ou conversando sobre algum assunto ameno com as crianças mais velhas.

Esse momento de intimidade entre pais e filhos pode ser fundamental para que eles exponham alguma eventual preocupação, por exemplo, que não tenham se sentido confortáveis para conversar na frente dos irmãos ou com a família reunida.

4. Passe um tempo longe da televisão

Não se trata, obviamente, de afastar definitivamente a criança — e na maior parte dos casos, os adultos — de um de seus entretenimentos favoritos, mas de passar a usar o aparelho com mais equilíbrio.

Você já reparou como muita gente chega em casa e, antes mesmo de cumprimentar os familiares, liga a televisão, ainda que não tenha interesse em nenhum programa em específico?

Em vez disso, que tal iniciar uma conversa com as crianças, para saber como foi o dia delas e quais são os seus planos e projetos para o dia seguinte? A TV pode ficar para mais tarde, quando elas forem dormir, ou para alguns dias específicos da semana.

5. Faça planos para o fim de semana

Se a sua ideia é aproveitar o tempo em família, planejamento é a palavra-chave. Do contrário, você corre o risco de passar o tempo livre no celular, na frente da TV ou adiantando o trabalho do escritório.

Por isso, use alguns minutos do seu dia para pesquisar atividades para fazer com as crianças no fim de semana. Que tal fazer exercícios ao ar livre? Pode ser uma boa ideia ir ao parque para andar de bicicleta ou à piscina do clube, por exemplo.

Está frio? Uma boa pedida são as atividades culturais em espaços fechados. Aproveite para levar a família ao cinema, ao teatro ou a uma exposição divertida que esteja em cartaz na sua cidade. Só não vale ficar em casa trancado no quarto vendo séries!

6. Abra espaço na sua agenda

Se você é do tipo muito ocupado, certamente está lendo esse post e pensando: “ah, mas eu não tenho tempo para nada disso, minha rotina é realmente muito corrida”. Nesse caso, a dica mais importante é: priorize e simplifique!

Afinal, a família é ou não é o bem mais precioso da sua vida? Muitas vezes, abrir pequenas brechas na sua agenda faz uma grande diferença no tempo que você pode dedicar a eles.

Se você perde muito tempo no banco, por exemplo, pode ser uma boa ideia colocar as contas em débito automático. Está perdendo horas preciosas no trânsito para comprar um produto ou serviço? Que tal checar se eles possuem um serviço de entrega ou considerar fazer as compras em um fornecedor do seu bairro?

7. Inclua seus filhos nas decisões familiares

Uma excelente maneira de estreitar laços com as crianças e aproveitar o tempo com elas no dia a dia é fazer com que elas opinem nas decisões familiares.

Apesar de simples, essa é uma medida que ajuda os pequenos a enxergarem a família como um grupo que faz escolhas levando em consideração as opiniões de todos.

Quer um exemplo? Vai reformar a casa? Em vez de ficar em um canto resolvendo os detalhes na internet enquanto as crianças assistem TV, que tal escolherem juntos as novas cores das paredes?

8. Use os momentos entediantes para aumentar a convivência

Ficou preso no trânsito com o seu filho mais velho? Aproveite para saber um pouco mais sobre as preferências musicais dele e contar um pouco sobre o seu dia a dia no trabalho.

Foi levar o caçula no dentista e a consulta atrasou em uma hora e meia? Em vez de passar esse tempo lendo uma revista antiga, aproveite para brincar com ele ou contar uma história divertida, por exemplo.

Se você for esperar o tempo e as condições ideais para dar atenção ao seu filho, provavelmente nunca o fará. Portanto, use cada momento disponível e transforme a adversidade em uma oportunidade de convivência!

9. Busque novos interesses em comum

Muitas vezes, com a rotina atribulada e o rápido desenvolvimento das crianças, não nos damos conta que os interesses e preferências delas vão mudando continuamente. Para que o tempo que você passa com os pequenos ganhe em qualidade, é importante conversar e buscar novos interesses em comum constantemente.

Talvez o seu filho caçula, que você ainda vê como um bebê — mas não é mais! — já esteja interessado em acompanhá-lo nas aulas de tênis, por exemplo, ou que o mais velho queira aprender a cozinhar com você, algo que ele não demonstrava qualquer interesse quando era menor. Por isso, o diálogo é fundamental!

Gostou das nossas dicas de como aproveitar o tempo em família e ganhar mais qualidade no seu relacionamento com os seus filhos? Então não se esqueça de compartilhar este post nas redes sociais!